terça-feira, 16 de junho de 2009

TERTÚLIA VIRTUAL - QUE LUGAR TE FAZ SENTIR EM CASA?


Aos amigos do Tertúlia, peço mil e uma desculpas... Minha Internet caiu ontem (14/06) à tarde e só voltou a noite. Por conta das inúmeras atividades, não foi possível ir a uma lan house para postar meu texto.Faço-o agora, mesmo não valendo mais e também para não passar em branco!!!

Como estou morando com minha mãe em MG, o lugar que me faz sentir mesmo em casa, é sem dúvida, a sala de televisão. É lá que eu dormi por quase dois meses, porque a minha irmã, que mora no Japão, veio visitar a minha mãe...
Ali eu tenho a minha disposição: o meu tricô (estou fazendo um cachecol); os meus anéis de lata (vou montar uma bolsa); livros que eu gosto de ler, revistas, jornais; filmes que passa na TV e também aqueles que eu alugo na locadora do outro lado da rua; as novelas que sempre vejo (Senhora do Destino, Malhação, Paraíso e Caminho das Índias); uma garrafa térmica com café ou chá bem quentinhos...
Esse é o cantinho "da mamãe" que me faz sentir em casa. Mas só consigo um pouco de paz, quando todos estão dormindo... Aí posso ver na TV o que me "der na telha"... Os filmes que mais gosto de ver são Dramas (para chorar um pouquinho!); Suspense (para pensar!); Ação/aventura (que prendam a atenção!)...
E de vez em quando... um terror (se tiver enredo!); faroeste (com muito tiro!) e filmes épicos (são emocionantes!). Também gosto de filme de auto-ajuda e também alguns filmes nacionais... E finalizando... alguns pôrnozinhos (porque ninguém, é de ferro!)
Confesso que não sou muito fá de comédias - salvando é lógico, os filmes de MAZZAROPI - que eu amo!!!
Tem alguns filmes infantis... Bem poucos, mas os que sou apaixonada mesmo são os desenhos antigos da Disney: Branca de Neve, A Bela e a Fera, Cinderela...

13 comentários:

marie disse...

Mylla
Se puder muda a cor do texto pra se ler melhor...
Faz tanto frio por aí para precisar de cachecol quentinho?
Continuação de boas leituras e junta à lista de filmes umas comédias, porque rir faz muito bem!
Beijinho

Fatima Cristina disse...

Olá Mylla,

Também tive dificuldade em ler o seu texto pelas cores escuras no fundo escuro. (Já nao tenho mais 15 anos...rsrsrs)

Com toda certeza a sala da casa da mamae é sempre aconchegante, e nos recebe com bracos abertos!

Parabéns pela postagem.
Abraços.

Sandra disse...

Oi minha linda!
Como é bom ficar em casa e ver desenhos, filmes que falam de amor, energia, que trazem ensinamentos de vida para nós. Os desenhos da disney eram maravilhosaos. São. Ao controario de muitos que estão por ai. Passando o negativismo e violência. Pois a criança que vê nua e crua a mente, não consegue entender o que está por traz.
E casa de nossa familia é um cantinho muito aconchegante. Quando vou para casa de minha mãe em Otacilio Costa, próxima de Lages, é como se eu tivesse retornando a minha casa, para ficar.
É muito bom.
Valeu a postagem.
Bjs.
Sandra

Sandra disse...

Amei ver o meu selinho aqui. O da Tertília. Minha nora me ahjudou no final de semana. Fique tranquila. Vou fazere um para vc. só preciso de um tempo. Bjs.
Sandra

ellen disse...

Bonito post... e desde que nos sintamos bem em qualquer lugar é sempre o nosso melhor sitio de bem estar. Um texto bom o seu.

Beijinho para si

expressodalinha disse...

Texto colorido e confortável. Obrigado pela visita.

Evandro Varella disse...

Mylla,
Não importa muito o momento nem o lugar, o que importa é o que sentimos e as pessoas que estão conosco.
Obrigadim pela simpática visita.
Abraços

Sandra disse...

Mylla!
Tem selo para vc. em meu blog.Curiosa.
De manhã vou tentar fazer os seus e envio por email
Sandra

Georgia disse...

Mi, eu vim aqui antes e nao consegui ler seu texto. Nao sabia que vc a Anny é sua irma, ou eu li errado, rs.

Menina, casa da mae da gente é tudo mesmo, mesmo que as vezes a gente discute, rs.

Sala, televisao, pipoca, essas coisas nos deixam em casa.

Bjus

Nanda Botelho disse...

Obrigada pela vista!

Sim, também sou filha de Iemanjá!

E acho que já está mais que na hora de aprender a gostar do lugar que nasceu! Isso significa amadurecimento, mas ele não chega se não nos esforçarmos.

Acredito que o que vc precisa trabalhar é exatamente isso: família, acho até que foi por isso que se interessou por aquele rapaz...

Vc voltou para casa, por isso!

Bjs!

Gaby disse...

Querida Mylla,

Obrigada pelo seu comentário tão elogioso no meu post da Tertúlia. A verdade, é que já atravessei muitos desertos na minha vida e cheguei a achar que já não havia nenhum papel para mim no palco da Vida!!! Nada mais errado.
Com ajuda especializada e muita vontade, reinventei-me, redescobri-me, por mim e pelos q me amam. Hoje sei que os problemas se resolvem de dentro para fora e nós é que temos que ter a força e a coragem de os enfrentar, porque ninguém nos conhece melhor que nós próprios. Se não gostarmos de nós (sem narcisismos, claro) quem gostará e como poderemos dar o nosso melhor aos outros?

Quanto ao seu texto, gostei muito. A casa dos pais é sempre a nossa casa, o nosso porto de abrigo!

Um beijo grande.

* Fada * disse...

*Myllaaaaaaaaaa !!! *

*Como você está ?! Muito frio por aí ?!

*Milene, só hoje é que estou encontrando um

tempinho para comentar algumas postagens sobre

a *Tertúlia deste mês !!! (*Pouco tempo X

muitos afazeres !!! É doseeeeeeeeee !!! ).

*Querida, ótimo final de semana !!!

*Fiques com Deus.

*Beijossssssssssssssss.

Compondo o olhar ... disse...

desculpe o atraso, mas estava impossibilitada por causa de uma cirurgia. mas agora estou bem e retornei!!!
parabéns, adorei sua participação em mais esta intrigante tertulia!!!

bjocas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...