terça-feira, 24 de abril de 2012

AMAR AO PRÓXIMO COMO A TI MESMO...



Todos os dias quando acordo, eu agradeço a Deus a noite dormida, os sonhos que vieram como momentos de reparação, e peço forças para o novo dia que começa.
Hoje não foi diferente! Quando abri o Evangelho para ler, lá estava essa máxima: Amarás o Senhor teu Deus, com todo teu coração e toda a tua alma e ao teu próximo como a ti mesmo." Esse é o mandamento maior da lei de Deus.
E eu perguntei ao marido, se ele sabia o significado dela. Ficou calado.
Mas não tomei o silêncio dele como um consentimento. Como se ele soubesse de fato, o que Jesus queria dizer com esse mandamento. Porque ele não sabe.
Meu marido não sabe perdoar. Não perdoa ninguém que o deve.
Ele vive na antiga lei do tempo de Moisés: "Olho por olho, dente por dente." "Pegou emprestado, tem que pagar." "Ninguém morre me devendo."
Ele fala que quem perdoa é Deus, não sendo deus, não tem que perdoar ninguém.

Então quando eu li esse trecho do Evangelho para ele, fez que compreendeu mas no fundo de seu coração ainda endurecido, não compreendeu uma única palavra...
Mas falei e tornei a falar com ele que vou bater na mesma tecla até morrer. Ele vai amolecer aquele coração e aprender a perdoar...
Ilustrei esse fato de hoje de manhã, porque tenho uma amiga que me pediu emprestado certa quantia em dinheiro, mas nunca me pagou. Ou melhor, arrumou uma parte do dinheiro e a outra parte - esqueceu-se dela!
O marido fala que eu deveria cobrar sempre, até ela pagar!
Mas a minha opinião é diferente, levando em consideração a nossa amizade. Ela me deve é verdade, e ela sabe... Pra que eu vou ficar batendo na mesma tecla? Quando puder, ela vai me pagar...
E se ela não puder... Deus paga...Estou me valendo da máxima da lei de Deus: "Perdoar aqueles que nos devem... Porque eu sei perdoar. Ele não!

E você? Sabe perdoar? Ama teu próximo como a ti mesmo?
Perdoa àqueles que te devem?


3 comentários:

Sissym disse...

Mylla, algumas pessoas passam por provações dificies. Tais endurecem o coração que um dia já acreditou cegamente.

Aprendi que dinheiro nao se empresta, pq eu sei que sou correta, mas já aconteceu comigo de sequer ouvir: "desculpa, não tenho como lhe pagar"! - o que pode acontecer com qq pessoa por falta de emprego, por ter que cuidar de uma familia e estar numa situação critica. Eu nunca a cobrei, mas tambem me afastei.

E sobre perdão, ele é abrangente e depende do que se trata.

Beijos

SONINHA disse...

Mylla querida!!!!
Minhas visitas estão demorando para acontecer, pois desde as minhas "férias" em março,tudo atrasou e estou "atolada" em e-mails. Não consigo colocar em dia e todos os dias chegam novos. rs E não tenho coragem de não retribuir as visitas. Demoro, mas chego. Visito todos que me visitam. Agradeço a compreensão!
Beijocas, muuuuuitas!

Sissym disse...

Acontece, Mylla, que ela sempre pisou na bola comigo, nunca me ajudou em casos de emergencia. Sendo assim, eu me afastei e não me arrependo.

Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...